19 janeiro 2011

Inclusão digital na China

O governo chinês impõe uma censura ampla ao uso da internet, mas, por outro lado, criou meios para a disseminação do acesso. A estratégia adotada foi difusão do uso de celulares para navegação na web a baixo custo. O resultado, em poucos anos, é surpreendente: a população online na China suerou 457 milhões em 2010, de acordo com os números da indústria chinesa, divulgados hoje. 


O contingente de internautas na China - 50% maior que toda a população dos EUA - cresceu 19% em relação ao ano anterior, informou o China Internet Network Information Center. Já o número de pessoas que navegam na web pelo telefone celular subiu ainda mais: 29,6%. 

O número de pessoas que utilizam o comércio on-line e serviços de entretenimento na Internet também cresceu rapidamente em 2010, numa taxa que chega a 48,6% na comparação com 2009.

Um comentário:

Anônimo disse...

Creio que o governo chinês incentiva o acesso à internet pelo celular porque isso é um serviço limitado. Todo mundo sabe a grande diferença entre navegar na web por um computador/notebook e um aparelho de celular. É meio imcômodo e nem todas as páginas abrem.
Dessa forma, os governantes podem continuar mascarando a ditadura comunista existente na China, querendo enganar os estrangeiros, sobreduto, de que o país é favor da liberdade. Conversa pra boi dormir.

Grande abs.