19 janeiro 2011

O mais alto IGC do país está no Rio

O IGC leva em conta os resultados do Enade (Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes), da avaliação da pós-graduação pela Capes, a titulação e o regime de trabalho de professores e a opinião dos alunos sobre infraestrutura e projeto pedagógico. O mais alto IGC do país foi obtido pela Escola Brasileira de Economia e Finanças (Ebef), da Fundação Getúlio Vargas, no Rio.
 

Algumas instituições, com a Universidade de São Paulo (USP) e a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) não se submetem ao Enade e, por isso, ficam fora do ranking.

 

O Censo da Educação Superior mostrou que, do total de 2.314 instituições de ensino em funcionamento ou criadas em 2009, 245 (10,5%) eram públicas e 2.069 (89,5%) privadas. 

A educação à distância também é avaliada. Do total de 5,9 milhões de matrículas em ensino presencial e à distância, 1,5 milhão (25,5%) eram na rede pública e 4,4 milhões (74,5%) na privada.

Com dados de Demétrio Weber

Nenhum comentário: