10 fevereiro 2011

A 1a. vitória do governo Dilma na Câmara

Na terça passada, anteontem, ocorreu a primeira votação da nova legislatura. Foi votada a Medida Provisória 502 enviada pelo governo Lula ao Congresso em setembro passado. Ela dava nova redação às leis 9.615 e 10.891, que criaram o Bolsa-Atleta e os programas Atleta Pódio e Cidade Esportiva.

Estava de pé o acordo feito no ano passado entre o governo e os partidos que o apóiam, pelo qual uma parte dos recursos repassados pela Caixa Econômica Federal para custerar os programas seria transferida diretamente aos clubes de futebol.

Porém... logo que o processo de votação havia começado, em meio aos discursos dos líderes partidários, chegou ao plenário, nervoso e esbaforido, o deputado Candido Vacarezza, líder do governo.

A nova: o governo havia desautorizado o acordo. O dinheiro a ser repassado pela Caixa ficará no Ministério do Planejamento e será repassado apenas futuramente. Orientação recebida recebeu da ministra Miriam Belchior. E... saia justa para os líderes dos demais partidos, obrigados a recuar da palavra empenhada aos clubes, durante a negociação da Medida Provisória.

Foi a primeira vitória do governo Dilma na Câmara. Registre-a a história.

Nenhum comentário: