05 dezembro 2011

Ministra italiana chora enquanto anuncia arrocho de 30 bilhões. Veja a cena.

A Ministra do Trabalho italiana, Elsa Fornero, não consegue conter o choro ao explicar a parte do arrocho de 30 bilhões de euros anunciado neste domingo pelo primeiro ministro Mário Monti, que penalizará fortemente  o sistema previdenciário do país. Idade mínima de aposentadoria foi elevada para 62 anos no caso das mulheres e 66 anos para os homens. Pensões acima de 960 euros foram congeladas. Elsa Fornero , em lágrimas, precisou interromper sua explicação sobre os detalhes do pacote sendo  substituída por Monti, o tecnocrata explicitamente reconhecido como um interventor dos mercados no Estado italiano. Veja a cena, expressiva da tensão vivida pela economia do euro, cuja sobreviência ou derrocada será decidida esta semana na reunião de cúpula da próxima 6ª feira, dia 9.


2 comentários:

Marise Rocha Morbach disse...

Caramba Fábio; pensar que isso é apenas o começo!
Ainda quero saber sobre "intersubjetividade".
Abração prá ti.

Fabio Fonseca de Castro disse...

Pois é Marise, começo do começo... Podemos conversar sobre intersubjetividade quando quiseres. Dei um curso sobre o tema no mestrado em psicologia social da UFPA, há uns 3 ou 4 anos e estou trabalhando sistematicamente com essa idéia.