06 dezembro 2011

Proibição da publicidade de álcool votada hoje em subcomissão no Senado

Hoje deve ser votado, na subcomissão sobre drogas, criada no âmbito da Comissão de Assuntos Sociais do Senado, o Relatório final sobre a proibição de veiculação de publicidade de álcool na televisão brasileira.

O Relatório foi elaborado pela senadora Ana Amélia (PP-RS). Ele sugere a proibição da propaganda de bebidas alcoólicas, a restrição da comercialização do produto, o aumento de impostos e também a integração entre os diversos níveis de governo.

Criada há sete meses, a subcomissão ouviu diversos especialistas sobre o assunto, representantes de entidades que atuam na recuperação de viciados e pessoas que conseguiram deixar o vício. 

De acordo com o presidente da subcomissão, aproximadamente 1% da população brasileira está envolvida com drogas ilícitas, como maconha, cocaína e crack, enquanto um porcentual muito maior, de quase 10%, faz uso sistemático do álcool.

De acordo com Dias, a OMS estima que o Brasil tenha um prejuízo anual aproximado de R$ 30 bilhões devido à falta de uma política adequada de combate às drogas. 

Estima-se que sejam necessários cerca de R$ 3 bilhões para desenvolver no país uma rede de enfrentamento às drogas e de tratamento aos dependentes.

Nenhum comentário: