05 abril 2016

Intencionalidade, experiência banal e comunicação: esboço de prospecção fenomenológica do cotidiano.

Meu novo artigo publicado: Intencionalidade, experiência banal e comunicação: esboço de prospecção fenomenológica do cotidiano, na revista Logos, do Programa de Pós-graduação em Comunicação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Resumo O artigo propõe uma prospecção fenomenológica da noção de vida quotidiana, compreendendo-a enquan-to vivência, por oposição à experiência, à luz do debate filosófico sobre o mundo-da-vida (Lebenswelt). O objetivo dessa prospecção é pensar sobre a natureza da experiência comunicativa na vida quotidiana. Nessa tarefa, dialoga-se com o conceito heideggeriano de falatório (Gerede), procurando compreender como se produz a intersubjetividade na cultura contemporânea.

Está disponível no Academia.edu (clicar no nome do artigo para aceder a ele e a meus outros trabalhos e também aqui, para aceder diretamente à revista).


Um comentário:

Thiago Reimão disse...

Professor, percebo como seus últimos trabalhos publicados seguem tratando do mesmo assunto e vão se explicando mutuamente. Este artigo ajuda muito a entender o seu trabalho anterior, sobre o "semiotical blues". Abçs.