29 julho 2010

Já vai tarde

O “jornalista” Diogo Mainardi, sujeito brutal e ao mesmo tempo deslumbrado, que há oito anos assina uma coluna na revista Veja, anunciou esta semana que vai embora do país. Todos ganhamos, pois o sujeito já vai tarde.
O jornalista Luis Nassif declarou que o anúncio representa “o fim de uma era de infâmia”. E acrescentou: “O problema não é o Mainardi. Ele é apenas uma figura menor que, em uma ação orquestrada, ganhou visibilidade nacional para poder efetuar os ataques encomendados por Roberto Civita e José Serra. Quando passar o fragor da batalha, ainda será contado o que foram esses anos de infâmia no jornalismo brasileiro”.
Mainardi se descrevia como “um conspirador da elite” e cometeu atos realmente descabidos com sua coluna na Veja. O jornalista Franklin Martins, ministro-chefe da Secretaria de Comunicação do Governo Federal,  o descreveu como um “difamador travestido de jornalista”.
Todos ganhamos, repito. Já vai tarde.

Nenhum comentário: