25 fevereiro 2011

Os nós da reforma política 3: a questão do financiamento da campanha

Financiamento de campanha público ou privado

O PT defende o financiamento público de campanha, ou seja, que seja criado um fundo, com recursos públicos, que será proporcionalmente repartido entre os partidos antes das eleições. Com isso, se controlaria bem mais a praga do caixa 2 e dos desvios de dinheiro público para as campanhas e, ainda, o encarecimento das mesmas. 

Posição semelhante tem a líder do PSOL, senadora Marinor Brito, e os senadores Rodrigo Rollemberg e Jayme Campos. Pedro Taques também deve votar nessa linha.

Em seu primeiro discurso em Plenário, o senador Vicentinho Alves (PR-TO), indicado como suplente na Comissão da Reforma Política disse que o financiamento público de campanha é a melhor forma de democratizar o processo eleitoral.

Nenhum comentário: