10 fevereiro 2011

Plano de Mineração prevê investimentos de US$ 350 bi

O Ministério de Minas e Energia (MME) lançou ontem o Plano Nacional de Mineração 2030, que prevê investimentos de US$ 350 bilhões no setor. Os investimentos incluem pesquisa mineral para expansão ou descoberta de jazidas e em mineração e transformação mineral (metalurgia e não metálicos), em sua maioria originários da iniciativa privada.

É o quarto plano de mineração do Brasil, mas o primeiro com horizonte de 20 anos. Em 2010 o faturamento da mineração, no Brasil, foi de US$ 150 bilhões. Um peso de 25% nas exportações brasileiras. 

Seria bom alguns dados - quiçá alguma discussão - sobre o impacto desse plano sobre a sociedade paraense.

Um comentário:

Anônimo disse...

É impressionante o paradoxo entre faturamento da mineração e a receita dos município das áreas exploradas.
Para onde vai a CFEM? O TCM não questiona com as prefeituras esses valores?
Enquanto isso os problemas sociais de Parauapebas, Canaã dos Carajás, Barcarena, só aumentam.

Felipe Andrade