12 fevereiro 2011

Temos responsabilidade sobre os fatos de nossa ignóbil juventude, admitamos...


"As pessoas tendem a desculpar a adesão de Günter Grass às SS.
- Tinha só quinze anos - dizem.
Fui ver os meus cadernos dos quinze anos onde se verteu, diário, o meu amor por P. E era inteiro, o amor. Atento, absoluto, somático, definitivo, poderoso, confiante, glorioso. Se devo ir a juízo por alguma coisa, é por ele".
Joerg Immendorff

Nenhum comentário: