01 março 2011

Puty e a reforma tributária

Cláudio Puty, presidente da Comissão de Finanças e Tributação (CFT) da Câmara dos Deputados, se comprometeu em dar continuidade do projeto de reforma tributária criado pelo ex-presidente Lula. Puty declarou ontem, à imprensa, que uma das prioridades do Congresso, este ano, deve ser a reforma tributária.

A proposta do PT, apresentada pelo Governo ao Congresso, reduz alguns tributos e contribuições e cria um imposto único. Ela define, também, que o Imposto de Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) seja recolhido na origem. Isso quer dizer, por exemplo, que se São Paulo produz um carro e vendeu para o Piauí, quem paga o imposto é São Paulo, sendo que o Piauí ficaria com uma pequena parcela desse imposto para ajudar na fiscalização do tributo.

Puty defende a redução de impostos para os mais pobres. Por exemplo, por meio da desoneração da cesta básica. De mesma forma, defenda a tributação maior sobre as grandes fortunas.

Nenhum comentário: