10 janeiro 2012

Substituir a política pela moral

Impressionante Camus. Hoje folheei umas páginas suas e encontrei o seguinte brado revolucionário:

«Estamos decididos a suprimir a Política, para a substituir pela Moral. É o que chamamos uma Revolução». 

Não permitam-se enganos: Camus não era um moralista. Era um político. Um resistente, um combatente. Podemos pensar em nos inspirarmos dele para eleger o próximo prefeito de Belém. Pois será o prefeito dos 400 anos.

Nenhum comentário: