16 março 2012

Último dia para mandar resumo de trabalho para o CISO

Hoje é o último diar para inscrever trabalhos no XV Encontro de Ciências Sociais do Norte e Nordeste, o CISO, que será realizado em Teresina, de 4 a 7 de setembro próximo. Esta XV edição do encontro tem chancela da Associação Latina Americana de Sociologia (ALAS), e incorpora o Encontro Nacional da Associação, chamado de PRÉ-ALAS Brasil, prévia ao XXIX Congresso Internacional da ALAS que se realizará em 2013, no Chile.

Para inscrever trabalho basta preencher a ficha de inscrição e enviar um pequeno resumo do trabalho proposto. Se o resumo for aprovado, segue o prazo até 30 de maio para enviar o artigo completo.

Para fazê-lo, o caminho é o seguinte: http://www.sistemasmart.com.br/ciso2012/.

Neste CISO estou coordenando um GT, junto com dois colegas. Para quem se interessar, segue a ementa:

GT 7: cultura, comunicação e desenvolvimento: perspectivas políticas e econômicas

coordenadores:
Profº. Drº. Alexandre Barbalho – UECE
Profª. Drª. Lia Calabre – Fundação Casa de Rui Barbosa (RJ)
Profº. Drº. Fábio Fonseca de Castro - UFPA

Ementa:
O objetivo do Grupo de Trabalho é abrigar pesquisas e reflexões, a partir de uma perspectiva interdisciplinar, sobre as políticas culturais e de comunicação e seu papel no desenvolvimento das sociedades contemporâneas. As discussões envolvem a presença do Estado na formulação e execução destas políticas e a relação com a sociedade civil e os movimentos sociais, bem como suas interfaces com o mercado de bens simbólicos, o processo de mundialização cultural e as políticas de identidade. A proposta do Grupo de Trabalho é constituir-se como espaço privilegiado para o debate acerca das pesquisas sobre políticas culturais, sejam estas implementadas pelo poder público, em suas diversas instâncias (municipal, estadual e federal), ou pelos movimentos sociais em suas interfaces com o Estado. As experiências internacionais também serão contempladas, em especial aquelas promovidas pela UNESCO. O objetivo do Grupo de Trabalho não é apenas dar visibilidade às pesquisas, mas possibilitar a elaboração de quadros conceituais, de pesquisas comparadas, de projetos coordenados entre instituições brasileiras e internacionais, bem como fornecer subsídios para os formuladores de políticas públicas de cultura e de comunicação.

Nenhum comentário: