17 abril 2012

Eleições na França 15: Os candidatos: Eva Joly


A candidata Eva Joly, de 68 anos, não nasceu na França, mas em Oslo, na Noruega, num baiurro pobre, sendo filha de um operário de uma fábrica de uniformes militares. Tendo terminado o ensino médio em 1964, veio estudar francês em Paris e iniciou, em 1967, seus estudos de direito. Fez um mestrado em ciências políticas, em seguida e, em 1981, foi aprovada num concurso público para a Escola Nacional de Magistratura. Exerceu a função de magistrada de 1992 a 2002.
Em 1967 se casou com um médico francês, Pascal Joly, de quem teve dois filhos. Sua carreira como magistrada foi excepcional e lhe deu notoriedade pública, ao enfrentar processos difíceis de repressão à corrupção. Seu momento de glória aconteceu em 1996, quando, pela primeira vez na histpóiria da França, enviou para a prisão, por corrupção, um milionário, Loïk Le Floch-Prigent, então presidente da SNCF, a principal empresa de transporte do país.
Em 2008 se filiou ao Partido Verde e, no ano seguinte, foi eleita deputada européia. Seu mentor político é Daniel Cohn-Bendit, o famoso líder do movimento de Maio 1968, hoje líder europeu do Partido Verde, ou melhor, do Europe Écologie, partido trans-europeu que reúne os diversos partidos verdes nacionais.

Nenhum comentário: