03 maio 2014

MANIFESTO pela valorizacão da graduação de Comunicação.

No Congresso da Intercom que está sendo realizado em Belém foi lido e distribuido o seguinte Manifesto, assinado pelos professores da Faculdade de Comunicação. Acompanhei daqui de Montreal a movimentação dos colegas e estou de acordo com o que está sendo dito. Se há uma coisa que me incomoda é o personalismo, o individualismo e o egoísmo. O trabalho científico só tem sentido quando é feito de maneira colaborativa e partilhada, numa construção coletiva e pautada pelo diálogo. Isso, afinal, é Comunicação. Ao menos a Comunicação na qual acreditamos. E é por esses motivos que, no mesmo contexto e com apoio dos professores que assinam o manifesto, aceitei colocar meu nome para coordenar a pós em Comunicação. Segue o Manifesto:

MANIFESTO PELA VALORIZAÇÃO DA GRADUAÇÃO EM COMUNICAÇÃO

O Intercom Norte e a (des)consideração da Faculdade de Comunicação da UFPA

Por reconhecer o papel dos conflitos nos processos de mudança em direção à recomposição dos pactos coletivos e ao amadurecimento comum, oConselho da Faculdade de Comunicação (Facom) da Universidade Federal do Pará (UFPA) vem a público denunciar o alijamento da faculdade no processo de organização do Intercom Norte 2014, evento regional mais importante no campo da Comunicação e que acontece este ano na UFPA, em grande parte, em seus espaços acadêmicos.

Em nenhum momento a direção da faculdade ou os professores que integram apenas a graduação foram convidados pela organização do evento a participar das comissões organizadoras e das discussões que definem a programação ou selecionam a produção científica do congresso. Também nenhum dos professores de Publicidade e Propaganda da Facom foi consultado ou convidado a debater sobre a programação de um evento que aponta para o tema dos 100 anos das Relações Publicas e da Publicidade e Propaganda, em que pese o fato de haver entre os professores da Facom um pesquisador sobre a história da publicidade na Amazônia.

Por fim, faltando pouco mais de um mês para o congresso (12 de março) aconteceu a primeira reunião com a faculdade e apenas há duas semanas (14 de abril) a organização do Intercom Norte, concentrada na coordenação do Programa de Pós-Graduação (PPGCOM), enviou convite aos professores da graduação para coordenar grupos de apresentação de trabalhos.

Tais fatos revelam a perversidade de uma lógica que hipervaloriza alguns setores e interdita e exclui outros, tornando o Ensino da graduação subalterno no processo de formação acadêmica, quando sempre foi e continua a ser a própria razão de existir da universidade.

Belém, 30 de abril de 2014.

Conselho da Faculdade de Comunicação da UFPA

Deliberação tirada em reunião Ordinária, por dez (10) votos a favor e uma (01) abstenção, realizada em 30 de abril de 2014.

Nenhum comentário: