04 novembro 2014

Lei da Mídia: Sem ela, esquece!

A Resolução do PT sobre a Lei de Mídia

Por Alisson Matos, no blog Conversa Afiada:
Em resolução aprovada nesta segunda-feira (3), a Executiva Nacional do PT classificou como “urgente” a democratização dos meios de comunicação no Brasil. Para tanto, diz o documento, é preciso que aja um diálogo com a população. Reunidos em Brasília (DF), a diretoria discutiu o cenário político após reeleição da Presidenta Dilma Rousseff. 

“É urgente construir hegemonia na sociedade, promover reformas estruturais, com destaque para a reforma política e a democratização da mídia. Para tanto, antes de tudo é preciso dialogar com o povo, condição vital para um partido de trabalhadores”, afirma o documento.

Para o partido, a vitória de Dilma se deve ao projeto apresentado na campanha e ao Presidente Lula. O documento da Executiva Nacional ainda propõe medidas para que o governo reverta a votação dos deputados que derrubou o decreto que criava os conselhos populares.

“Foi uma disputa duríssima, contra adversários apoiados pela direita, pelo oligopólio da mídia, pelo grande capital e seus aliados internacionais. Vencemos graças à consciência política de importantes parcelas de nosso povo, da mobilização da antiga e da nova militância de esquerda, da participação de partidos de esquerda e da dedicação e liderança do ex-presidente Lula e da presidenta Dilma.Nossa candidata soube conduzir a campanha com firmeza e sem recuos, mesmo nos momentos mais difíceis. O enfrentamento com o adversário em debates comprovou o preparo e a diferença da nossa 2 presidenta para vencer os desafios da atual conjuntura”, destaca a conclusão.

Por fim, o partido diz ser “ridícula” a contestação do PSDB e de parte de seus eleitores quanto ao resultado eleitoral. “Ainda ressentida, (a oposição) insiste na divisão do País e investe contra a normalidade institucional. Tenta chantagear o governo eleito para que adote o programa dos derrotados.”

Veja aqui o documento completo:

Nenhum comentário: