02 março 2011

E o Sintepp, quem diria!

Tem coisa que não dá para entender. A passividade do Sintepp na sua negociação com o governo Jatene, por exemplo. Parece que o outrora combativo sindicato vai aceitar a simples suspensão do PCCR, aprovado durante o governo Ana Júlia, depois de anos e anos de reivindicações e de uma construção coletiva da qual participou. E, de quebra, vai reduzir de 65% para 12% sua reivindicação por aumento salarial, simplesmente esquecendo das perdas históricas acumuladas...

Imagino que quimeras não operaram tais milagres...

Nenhum comentário: