04 outubro 2012

Entra no ar a TV USP

Esta semana a USP lançou cinco canais de televisão online simultâneos em seu sistema de TV pela internet, a IPTV USP. IPTV é a sigla de Internet Protocol Television – sistema fechado (na verdade aberto) de programação televisiva. A TV da USP funcionava em caráter experimental desde 2007, com a transmissão de eventos como palestras, conferências e encontros, além de disponibilizar um acervo de vídeos feitos sob demanda. 

Essas modalidades permanecem na nova TV e acrescentam-se os novos canais, que serão Arte e Cultura, Saúde, Ciência, Tecnologia e TV USP. 

Todo o conteúdo será aberto, gratuito e irrestrito, exceto alguns vídeos voltados a disciplinas específicas, como, por exemplo, uma cirurgia em que a identidade do paciente deve ser preservada. 

A nova plataforma suporta até 100 mil acessos simultâneos. Todos os vídeos estarão disponíveis para download. 

Aulas online 

Com os cinco anos da fase experimental, o acervo da TV online da USP já reúne uma biblioteca de mais de sete mil vídeos, contando ainda com uma integração ao Portal e-Aulas, que coloca à disposição do público videoaulas de professores da universidade. 

Parte dessas aulas serão transmitidas nos canais durante a programação diária, respeitados os critérios de interesse e complexidade. 

As disciplinas devem ser "interessantes para o público geral e não tão difíceis de entender, para que o conteúdo não fique restrito aos acadêmicos. Temas como astronomia, artes e saúde, são temas de interesse de todos e que podem ser facilmente compreendidos", explica o professor Gil da Costa Marques, coordenador do projeto. 

Todos os canais terão programação 24 horas por dia, sendo que novos conteúdos serão gerados a cada 6 ou 8 horas, dependendo do canal. 

Canais da TV pela internet 

Algumas unidades terão papel de destaques em alguns deles. O canal "Saúde", por exemplo, será gerenciado pela Faculdade de Medicina (FMUSP) e conterá programas como "conheça o SUS", "saúde e mistérios" e "dia a dia com a saúde". 

Já o canal "Arte e Cultura" será gerido pela Escola de Comunicação e Artes (ECA) da USP e terá uma produção diária inicial de seis horas. Nele estão presentes manifestações de artes cênicas, artes visuais, audiovisual, informação cultural e memória, jornalismo, e música, entre outros temas. 

O canal "Tecnologia" terá forte contribuição da Escola Politécnica e conta em sua grade com programas como "história da tecnologia" e "princípio de funcionamento de equipamentos". 

O canal "Ciências" é um dos mais abrangentes e terá duas horas de aulas (do Portal e-Aulas) diárias, além da produção que inclui "história da ciência", "biografias" e "esclarecimentos sobre desenvolvimentos científicos recentes". 

O endereço da TV da USP pela internet é www.iptv.usp.br

Meu comentário: É claro que toda universidade deve caminhar na direção desse sistema. A UFPA está a milhões de quilômetros disso, apesar dos esforços da Educação à Distância. É preciso determinação da Reitoria, mais coragem, mais projeto, mais universalidade.

Nenhum comentário: