Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2018

Roteiro de opera bufa: A justiça domingueira dos golpistas e o preso politico Lula

Domingo, 8 de julho de 2018. Rogério Favreto, desembargador de plantão no TRF-4 (Tribunal Regional Federal – 4 a Região), recebeu um pedido de habeas corpus impetrado por deputados do Partido dos Trabalhadores   demandando a imediata soltura de Lula. O desembargador concedeu provimento à petição e ordenou a imediata soltura de Lula. Seguiu-se uma correria de magistrados, juízes e delegados, em opera bufa – posto que ilegal, imprópira e incomum – visando a derrubar a decisão e manter preso o ex-presidente Lula. O normal: Habeas Corpus interposto no plantão e liminar concedida. Quem receber o HC tem cumprir a decisão. No final   do plantão o HC é redistribuído e se dá andamento à questão, julgando-a e mantendo ou cassando a liminar. Essa é a norma, essa é a lei. Quem não concordar, que recorra. Agora, o que não é normal (na verdade, o que é ab-normal e abjeto): 1. O delegado da Polícia Federal se recusar a cumprir a decisão de soltar Lula em no máximo uma hora

Disciplinas que irei ofertar no próximo semestre

Para quem interessar, já estão abertas as matrículas para as disciplinas que vou ministrar no próximo semestre, tanto no Naea como no Ppgcom. Atenção para os prazos de matrícula (em alguns casos até 20/07), tanto para alunos regulares como para ouvintes. As disciplinas serão as seguintes: 1. Fenomenologia e Ciências Sociais No Naea / Ppgdstu às 2 as , 4 as e 6 as , de 14 às 18h, de 19 de novembro a 10 dezembro. Matrícula de alunos do Naea até 20/07. Inscrição de alunos especiais (alunos de outros PPGs ou de for a da UFPA) de 23/07 a 03/08 Ementa: A disciplina objetiva refletir sobre a contribuição da Fenomenologia para as Ciências Sociais. Partiremos de uma introdução à Fenomenologia e de uma cartografia geral das escolas e autores que com ela trabalham para compreender de que maneira a prática fenomenológica pode ser empregada pela Sociologia e pela Antropologia, principalmente, mas também pela História, Ciência Política, Direito e Teoria Literária. Nesse percurso,