Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2018

Hoje é dia de São João Batista, Xangô na Umbanda, Senhor do Carma e da Justiça Divina.

Hoje é dia de São João Batista, Xangô na Umbanda, Senhor do Carma e da Justiça Divina. Uma amiga me mandou hoje cedo essa mensagem, acompanhada da linda interpretação de Maria Bethânia, que também compartilho. Muitos amigos têm me telefonado e enviado mensagens bonitas, nos últimos dias. Mensagens que falam sobre política, sobre justiça e sobre verdade. Hoje é domingo e tive hoje minha primeira aula de pandeiro. Aos 50 anos decidi aprender a tocar pandeiro e estou muito contente com essa decisão. Hoje é domingo e estou igualmente contente com o fato de que é domingo, dia santo e, espero, dia de pandeiro, muitos amigos e coisas do bem. Meu médico me mandou fazer pilates, mas eu decidi aprender a tocar pandeiro. E é por estar muito contente, se possível tendo a bênção de São João Batista e toda a força de Xangô, que gostaria de falar, muito brevemente, sobre política, justiça e verdade.  Vivemos em tempos muito estranhos. Tempos de subversão da política; de subversão da polític

Políticas culturais para as cidades

Foi lançado pela Fundação Perseu Abramo o livro "Políticas culturais para as cidades", organizado por mim, pela Renata Rocha (da UFBA) e pelo Luiz Augusto Rodrigues (da UFF). O livro lida com a complexidade que é pensar esses dois campos: as políticas culturais e as cidades. Os 10 capítulos do livro tratam tanto de políticas locais setoriais quanto da observância reflexiva de políticas nacionais em suas interações federativas. Abordam impactos culturais da produção de espaços contemporâneos regidos pela lógica do empresariamento urbano que tende a gentrificar os territórios impactados por mega-eventos e/ou produzidos prioritariamente pela lógica da atratividade turística. Políticas municipais e a política nacional de cultura são objetos aqui analisados, em especial quanto a desdobramentos territoriais. Pensar as cidades e as políticas culturais que lhes impactam, e também pensar as culturas e as políticas urbanas que lhes tensionam, ora potencializando-as, ora as inib